Mó | fisioterapia

11 3562-0991 | 3562-2291 | Whatsapp: 11 97458-0531

7757-SP CREFITO-3/50691-F

Entrevista para revista Próximo Destino Orlando

Papel da fisioterapia na maratona

quinta-feira, 30 de janeiro de 2014 - Por MCMT Esp. Ft. Carlos Roberto Mó

Entrevista para revista Próximo Destino Orlando

 

 

Papel da fisioterapia na maratona

 

Para uma visão mais técnica sobre o assunto, convidamos o Dr. Carlos Roberto Mó, especialista em fisioterapia esportiva, professor palestrante do curso de pós-graduação da UNIFESP, proprietário do Núcleo Especializado em Atendimento de Fisioterapia e Pilates NEAF e um amante assumido dos esportes. Confira a seguir, a importância da fisioterapia na preparação dos atletas para a maratona Disney.

 

Trabalhando a prevenção

 

Corrida é uma modalidade esportiva que exige uma biomecânica, cinesiologia perfeita de todo o corpo, principalmente dos membros inferiores e do tronco.

Quando se trata de uma maratona, uma das modalidades de corrida de longa duração, o corpo humano tem que estar com seu sistema músculo esquelético em pleno equilíbrio (parte muscular, parte articular, parte ligamentar e a parte tendínea). A fisioterapia tem um papel fundamental em manter este sistema íntegro possuindo várias técnicas para a prevenção. Diversos estudos epidemiológicos demonstram as patologias mais comuns nas corridas, entre elas podemos destacar:

 

• Síndrome do Trato Iliotibial

(dor na face lateral do joelho);

• Síndrome Fêmoro - patelar

(condromalácia do joelho);

• Periostite (canelite);

• Tendinopatia do tendão calcâneo

(tendinite Aquiles);

• Lombalgias (ciático);

• Tendinopatia Pata de Ganso;

• Fascite Plantar;

• Alteração Mecânica no pé;

• Impacto Fêmoro Acetabular;

• Lesões Musculares.

 

A fisioterapia ajuda no trabalho de prevenção com treinos sensórios motores (propriocepção) que tem como objetivo melhorar a coordenação dos músculos durante movimentos específicos e alongamentos. Também utilizamos o Pilates como suporte e complemento para não sobrecarregar as estruturas como, o trato iliotibial que se situa na face lateral de toda a coxa.

Com muita orientação melhoramos a recuperação pós treinos, com massagens, exercícios aeróbicos, eletroterapia e crioterapia. É importante também ressaltar o trabalho do Pilates para um fortalecimento muscular, flexibilidade, respiração, controle e concentração. Ele complementa os treinos, contribuindo para a redução de lesões e um retardamento da fadiga muscular.

 

No tratamento das lesões

 

Os treinamentos para maratona são intensos e longos, o desgaste das estruturas músculo esquelética são comuns. A probabilidade de gerar lesões aumenta muito, se o atleta não seguir corretamente as orientações do treinador. Além disso, o fator genético contribui para algumas disfunções, aumentando a probabilidade de lesões. O tratamento para a grande maioria das lesões é fisioterapêutico e, se avaliado e constatado no inicio, as possibilidades de uma rápida recuperação são muito grandes. Caso exista uma demora na busca de uma avaliação profissional, há possibilidade do atleta ficar fora dos treinos por mais tempo que o esperado. Portanto, é fundamental ter um acompanhamento de um fisioterapeuta especialista no esporte.

 

Fica a dica: Sofra no treino e sorria nas provas!

« Voltar